Devido ao novo coranavírus, muitas notícias fakes estão sendo compartilhadas por humanos. Algumas vezes, até por pessoas bem-intencionadas, que realmente não sabem o que de fato aconteceu. No entanto, outros de caráter duvidoso, estão usando o medo para influenciar pessoas.

Há alguns dias, circulou na rede que a Rússia teria soltado 500 leões nas ruas a fim de impedir que humanos furem a quarentena. Se trata apenas de uma fake News, que, no entanto, viralizou na internet.

Segundo a própria embaixada da Rússia em Brasília, o governo não tomaria uma atitude como essa. Além de que, não há essa quantidade de leões no país, mesmo considerando a extensão do território russo e seus zoológicos. Ademais, não há registros de fugas confirmadas.

Segundo um porta-voz da embaixada, o país está numa situação mais confortável que os outros em relação ao controle da doença. Até agora, uma morte foi registrada. Sendo esse “conforto” proporcionado pelas medidas de prevenção, como: o isolamento social. Além de que o bichano rei não faz parte do bioma do país.

Até entendo o alarde dos humanos, afinal felinos podem intimidar bastante. Não é à toa que somos exímios caçadores, não damos mole.

Já a imagem utilizada, se trata de uma montagem. Sendo a foto do leão Columbus, em Joanesburgo, na África do Sul, em uma produção local. 

Aurocat, líder suprema da dominação mundial felina.
Venha visitar nossa loja online e nos ajude a financiar nossa conquista.

Fonte: G1

Avalie essa notícia:

RuimRegularBomÓtimoExcelente
Loading...