A ativista dos Direitos dos Animais, Luisa Mell causou comoção nacional ao resgatar 135 cães de raça em um canil na cidade de Osasco, São Paulo. Os animais, que eram yorkshires, lhasa apsos, pugs, e viviam em situação de maus tratos extrema. Muitos foram encontrados mortos ou mutilados.

No último dia 04, o Instituto Luisa Mell promoveu uma feira de adoção de cães e gatos resgatados e acolhidos pela ONG, que atraiu um grande número de interessados. Dezenas de pessoas formavam a fila que dobrava o quarteirão duas horas antes do evento abrir.

Acontece que as pessoas acreditavam que levariam alguns dos 135 cães de raça que foram resgatados no final do mês de Setembro, mas ao entrarem na feira, se depararam apenas com cães e gatos sem raça definida.

Quando se deram conta de que não havia animais com pedigree, quase todos desistiram de adotar os bichinhos e foram embora. Apenas sete cães e dois gatos foram adotados.A gente recebeu 4 000 e-mails de interessados em pegar os cachorros de raça, e eu fico implorando, rastejando para adotarem os vira-latas.” disse a ativista.

Ficamos indignados com essa situação!!! Quem realmente gosta de animais não faz questão de raça ou pedigree, adota por amor e não por vaidade.

Avalie essa notícia:

RuimRegularBomÓtimoExcelente
Loading...