O frio é uma coisa chata. A gente não pode pegar solzinho, não pode ir pra varanda ficar vendo os passarinhos cantarem, não pode caçar borboletas no jardim…A única coisa boa é ficar aconchegado na mãe e no pai, porque eles são quentinhos e têm aquelas coisas chamadas cobertas, que dá pra gente se enfiar embaixo e ficar no escurinho quentinho pra sempre. É muito bom. Eu, Tyler, desenvolvi uma técnica ninja pra me manter quentinho durante essas noites congelantes: Vou até o travesseiro da mamãe, um tempo depois que ela já deitou, de preferência depois que já adormeceu, e deito em cima da cabeça dela. IMPORTANTE: Não pode ser do lado, nem atrás, tem que ser EM CIMA, ou não funciona. Daí eu pego a minha patinha direita e passo pelo rosto dela, até o queixo, abraçando um lado, e a patinha esquerda vai do outro lado, assim conseguindo abraçar completamente aquela cabeça quentinha. Quem ainda não fez isso, digo que deveria. Cabeças humanas são uma boa fonte de calor, pois eles tem aqueles pêlos compridos e sedosos, que ajudam a aquecer.
Enfim, além dessa dica valiosa, que acho que todos vocês, gatos, deveriam experimentar, nós temos aqui algumas outras dicas que podem ajudar nesses dias congelados. Vamos lá?


Fique perto de luminárias, como os mosquitinhos de luz, sabe? Eles sabem o que fazem.
Luminárias são quentinhas e muito úteis para a sobrevivência no inverno, principalmente quando são parecidas com você.


Grandes aliados dos gatos no frio: Cobertas. São quentinhas, escuras e dá pra amassar pãozinho. Use-as!


Notebooks são coisas sobrenaturais com um poder enorme de hipnotizar humanos. Eles passam horas e horas paralizados na frente daquele negócio, batendo naquelas coisas que fazem barulho, mas sem objetivo algum.
Para nós, ele é um aliado. Mas, só dá certo se estiver em funcionamento, ou seja, se o humano estiver usando!
É só subir e deitar na frente da tela, bem simples. Alguns humanos acham tão fofo que deixam a gente ficar por alguns minutos só por acharem engraçadinhos, ou pra tirarem uma foto. Aproveite.


Colo, de pai ou de mãe, é sempre muito bem vindo. Até a Jojo, que é cheia de não-me-toques aproveita essa opção nesse frio.


Cachecóis são subestimados. Humanos usam apenas para proteger o pescoço do frio, mas, não sabem que além disso, você ainda pode brincar de pegar e perseguir as pontas dele! Humanos são tão superficiais.


Ótimo pra ficar entocado e ainda deixar nossa marca nas roupas dos pais, pra mostrar pro mundo quem é que manda na casa, nós. A estratégia é: procure roupas de lã, deite em cima, durma profundamente.


E seus gatos, o que fazem pra se proteger do frio? Conta pra gente! 😉

bannerBlog

Avalie essa notícia:

RuimRegularBomÓtimoExcelente
Loading...