Estamos vivenciando um surto de febre amarela no Brasil e as pessoa ainda possuem muitas dúvidas sobre a prevenção contra a doença, inclusive sobre os cuidados que se deve ter com os animais domésticos, como cachorros e gatos.

Mas a boa notícia é que cães e gatos não são afetados pela febre amarela, entretanto, os cuidados ainda não necessários porque os mosquitos podem transmitir a eles doenças como a leishmaniose.

Os seres humanos e os macacos são os únicos hospedeiros dessa doença, que é transmitida por meio da picada do mosquito.

Em áreas rurais ou regiões com vegetação exuberante, a febre amarela é transmitida pelo mosquito Haemagogus, do gênero Sabethes. Nas áreas urbanas, o famoso  mosquito Aedes Aegypt  é o vetor de transmissão.

De qualquer forma, não custa nada lembrar que os macacos não transmitem a febre amarela, assim como nós seres humanos, eles também são vítimas da doença ao serem picados por mosquitos infectados.

 Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue e da febre amarela urbana.

Se o seu bichinho for picado por um mosquito infectado pelo vírus da febre amarela, o máximo que poderá ocorrer é coceira e vermelhidão local.

Portanto, não precisamos nos preocupar com nossos Pets, mas o cuidado com a nossa saúde permanece: se você não faz parte dos grupos de riscos, não deixe de tomar a sua vacina contra a febre amarela. 🙂

Avalie essa notícia:

RuimRegularBomÓtimoExcelente
Loading...