Ela linda história aconteceu em Sydney, Austrália. Dois jovens gatinhos foram encontrados vagando no lado de fora de uma residência.

Eles eram completamente inseparáveis. Quando a moradora avistou os gatinhos pela janela, decidiu ir até eles para alimentá-los e então descobriu a condição especial dos felinos.

Ambos tinham anormalidade nos olhos e tinham cerca de três semanas de idade. A mulher sabia que os gêmeos precisavam de ajuda imediata e decidiu levá-los ao veterinário.

Os dois gatos nasceram com pálpebras deformadas e uma condição em que os cílios se voltam para dentro e esfregam nas pupilas. Como resultado, Isaac tinha úlceras nos olhos e Stevie estava completamente cego, mas apesar disso tudo, eles tinham bastante energia…

Os dois irmãos necessitaram cirurgias oculares, pois estavam em alto risco de infecção. Seus olhos cegos foram removidos, uma das pálpebras de Isaac  foi reconstruída para proteger seu olho que ainda estava bom. Menos de 24 horas após as cirurgias, Stevie e Isaac começaram a brincar como se nada tivesse acontecido.

Como Stevie é completamente cego, ele confia em seu irmão de uma maneira incrível. Se ele ficar confuso ou desorientado, ele grita por Isaac que vem correndo para oferecer orientação e conforto. Eles nunca estão longe um do outro, vivem grudados.

As pessoas não acreditam que sejam cegos quando brincam juntos. Isaac tem apenas uma visão limitada em um olho, e Stevie é totalmente cego, mas os dois são capazes de “ver” através de outros sentidos e jogar e perseguir uns ao outro como qualquer outro gato.

Um jovem  casal se apaixonou pelos carinhosos irmãos felinos e se ofereceu para adotá-los. Eles se instalaram em sua nova casa e se adaptaram muito bem ao seu novo lar. Agora a dupla se chama Buda e Mogwai e estão amando a vida ao máximo.

Seus novos humanos estavam desejando adotar um gatinho há um bom tempo e eles são eternamente gratos por terem recebidos esses gêmeos especiais em suas vidas. Eles não poderiam ser mais perfeitos!!

Essa história é sobre resiliência e amor fraternal. Nós amamos conhecer essa dupla de gatinhos! 🙂

Avalie essa notícia:

RuimRegularBomÓtimoExcelente
Loading...