A história de como McLovin’ e seu dono se conheceram está longe de ser comum.

Ele e seu humano, Leslie Noel, que mora no Canadá, fazem tudo juntos – até mesmo pegar metrô. Depois que a gente descobre a história do primeiro encontro, fica fácil entender o motivo de serem inseparáveis.

sub2

 

Quer saber como eles se conheceram?

Noel estava procurando por um apartamento. O locatário então lhe ofereceu um quarto e garantiu que ele não precisava se preocupar com o cheiro e a bagunça. “Será limpo antes que você se mude” – ao abrir a porta, havia 4 filhotes de gato mortos e o McLovin.

“Eu disse: ‘não vou ficar com este quarto, vou ficar com este gato,’ e o resto é história. Ele é meu bebê. Ele era tão pequeno, tão miúdo. Eu tive que alimentá-lo na mamadeira a cada duas horas por 4 semanas inteiras”.

 

Antes de Noel achar McLovin’, ele ainda estava lidando com a morte de seus pais. “Eu rezei para deus. Só queria não estar mais sozinho,” ele disse. “Eu me referia a uma garota, mas exatamente no dia seguinte eu encontrei ele. E ele está na minha vida desde então.”

“É uma conexão. Ele é a única coisa que eu tenho.”

sub1

 

“Não, ele não é um animal de estimação, é meu bebê, como se fosse meu filho.”

sub3

 

“Quando eu estou chorando, ele lambe minhas lágrimas. Quando tenho pesadelos, ele me acorda, estou falando sério.”

sub4

 

“Ele é um gato milagroso. É como um anjo que caiu do céu.”

sub5

 

Muito emocionante e linda demais a história desses dois! Quando é pra ser, não tem jeito. Aconteceu também com a senhora de 102 anos que se apaixonou por um gatinho órfão.

 

Vimos aqui

Avalie essa notícia:

RuimRegularBomÓtimoExcelente
Loading...
  • Niva

    Pediu pra não ficar sozinho e ganhou um presentão de Deus ?