No Paquistão, um homem chamado Saad Awais ouviu o choro de um gato vindo de dentro de um poço de nada menos que 33 metros de profundidade. Ele tentou de tudo para tentar tirá-lo de lá, mas não teve sucesso.
De acordo com seus relatos, o gato ficou preso no poço por quase 1 ano. Sem saber mais o que fazer, Saad pediu ajuda nas redes sociais, e foi assim que Edhi, de uma ONG chamada PAWS entrou em contato para ajudá-lo a bolar um plano.
Mas não seria uma tarefa fácil:

po
po2

Enquanto isso, ele continuou alimentando o gato, jogando comida para ele todos os dias.
Até que uma empresa chamada K-Eletric se prontificou a ajudar, e forneceu um guindaste e supervisão para realizar o resgate.
Juntos, todos trabalharam incansavelmente para resgatar o gatinho, que resistia.
O resgate foi chamado de “Esforço Mamute”, e eles finalmente conseguiram retirar o gato do poço são e salvo.
“Estou muito grato por todos que nos ajudaram a resgatar esse gato.”, Saad contou ao The Express Tribue. Ele agradeceu especialmente pelo esforço feito online, onde muitas pessoas compartilharam e se prontificaram a ajudar ao saber do caso, e de onde a ajuda de fato veio.

A PAWS, ONG que ajudou no resgate, anunciou que o gato está se recuperando e em boas condições de saúde, tendo todo o atendimento veterinário necessário. Quando estiver 100%, ele ficará no abrigo e poderá ser adotado.

po3
po4
po5

Fonte: One Green Planet

Avalie essa notícia:

RuimRegularBomÓtimoExcelente
Loading...
  • Vagner

    legal..

  • hernane

    Um ano??? Õ loco… que gato resistente! E o tal do Saad foi um anjo na vida dele, deveria ficar com ele por merecimento…

    • Gatos talvez sejam os animais mais resistentes. EU já vi cada coisa. É por isso que eu os admiro.

  • Niva

    parabéns por jogar alimento pro gato e assim ter feito com que ele sobrevivesse até o resgate.