Era verão quando um gato laranja apareceu pelos arredores de um pub em Norway.
“Estávamos por lá e o encontramos, e trouxemos para casa enquanto procurávamos seu tutor”, contou Ulf ao site Love Meow.

Ele e sua irmã logo conseguiram localizar o tutor do gato, que foi devolvido são e salvo.
Mas, não demorou muito até que ele aparecesse na porta de Ulf. “Eu o peguei novamente, e o devolvi ao dono mais uma vez”.
Quando o gato voltou a aparecer, Ulf ligou mais uma vez para o dono do gato.
“Eu perguntei se havia algo que eu podia fazer para ajudar, e ele me contou que viajava muito e não ficava muito em casa, por isso sua família e amigos cuidavam do gato quando ele não estava em casa.”

 

Mas o gato continuava voltando.
“Eu então resolvi perguntar se ele gostaria que eu adotasse o gato, pois assim ele viveria em uma casa onde estou sempre, e assim ele não precisaria se preocupar quando viajasse. Ele pensou um pouco e concordou, já que o gato de fato já havia me adotado mesmo.”
Depois que Tiger se mudou para seu novo lar, Ulf descobriu que era alérgico a gatos, mas isso não o fez desistir de seu novo amigo peludo. “Não é culpa dele, e eu posso viver com uma coceira no nariz!”, ele contou ao Love Meow.
“No próximo verão ele completará 6 anos, e ele me ama com todas as forças. Eu não consigo mais dar um passo dentro de casa sem que ele me siga.”.

Ah, o amor! <3

fr1 fr2 fr3 fr5

 

Avalie essa notícia:

RuimRegularBomÓtimoExcelente
Loading...