Que todo mundo adora vídeos de gatos a gente já sabe, mas e que isso pode fazer um bem significativo para a sua saúde, você sabia?

A professora Jessica Gall Myrick, da Indiana University Bloomington, analisou cerca de 6500 pessoas para tentar decifrar um dos maiores mistérios da internet: ver vídeos de gatos realmente nos faz bem?

“Muita gente acha que esse não é um tópico sério de pesquisa, mas ver vídeos de gatinhos é um dos principais usos da internet hoje”, afirmou Myrick. “Se queremos entender os efeitos da internet nas pessoas, não podemos ignorar estes vídeos”.

Pesquisas mostraram que assistimos vídeos de bichinhos para procrastinar, evitando fazer alguma tarefa desagradável. Isso faz com que muita gente associe os vídeos com a culpa, já que poderíamos estar fazendo algo ‘sério’ com a vida. Porém a análise de Myrick mostra que o prazer que sentimos ao ver o Maru tentando entrar em uma caixa se sobrepõe à culpa. “Mesmo que estejamos procrastinando – o valor emocional que temos por assistir o vídeo pode até nos fazer trabalhar melhor depois”, afirma a pesquisadora.

Os resultados, publicados na revista científica “Computers in Human Behavior”, revelaram que as pessoas se sentem com mais energia depois de assistir a esse tipo de vídeo. Elas também relatam menos emoções negativas como ansiedade, irritação e tristeza.
A pesquisa constatou que o prazer de assistir aos vídeos é maior do que a culpa que as pessoas sentem por procrastinarem. Pessoas que têm gatos ou com algumas características pessoais como timidez e amabilidade têm mais propensão a verem esses vídeos.

A neurocientista Carla Tieppo explica que vídeos de bichinhos de estimação, por exemplo, estimulam os nossos melhores sentimentos.
“É fofo ver algo descontraído, estimula hormônios como a ocitocina”. Ver um animal brincando estimula o nosso lado brincalhão e seguro.

E aí, o que você acha disso?
Preparado pra sessão de terapia? Dá o play:

Fontes: G1 e Galileu

Avalie essa notícia:

RuimRegularBomÓtimoExcelente
Loading...